sexta-feira, 27 de maio de 2016

Bom dia! Hoje é Sexta!
Primeiro quero falar de algo que eu tenho percebido na minha vida. Sempre quando eu conheço alguém, é como se eu tivesse tentando abrir caminho pra entrar na vida dessa pessoa. O que eu sempre vejo, é que  todas as pessoas, já tem uma história, já tem um enredo, tem um caminho trilhado com outras pessoas que já fazem parte da sua vida. E então é por isso que eu quase nunca consigo me encaixar, e também não reconheço um caminho na minha vida, onde tenham as pessoas que fazem parte da minha história. Viver tentando se encaixar em história de outras pessoas não é algo muito satisfatório.
Tenho me sentido bem esses dias, tirando a carência que eu sinto sempre. Acho que eu mudei bastante o meu conceito sobre sofrer por falta de alguém. Hoje, eu sei o que realmente é sofrer por amor, por isso que não vou sair por aí dizendo que amo, e doando minha vida em prol de alguém. O sofrer de amor pra mim é bem mais do que se sentir triste. Eu entendi um pouco sobre o sofrer depois de um termino que me fez parar no hospital. Não, não fui agredida. Na verdade minhas expectativas foram. Eu esperava com todas as minhas forças alguém que não apareceu, minhas expectativas caíram de mil para zero em segundos, assim como a minha respiração, a minha paz, e no fim eu mal conseguia saber o que estava sentindo, lembro que no hospital me deram injeção de calmante, e mesmo dopada em casa, eu ainda chorava desesperadamente pros meus pais. Depois disso eu passei meses na fossa! Passei meses me sentindo inútil, esquecida, sentindo como se eu tivesse perdido tudo o que a vida tinha me dado, como se eu tivesse perdido todas as esperanças e toda a felicidade. Parece drama. Mas realmente foi muito dramático. Acho que depois disso eu passei a diferenciar o que realmente é sofrer, sofrer por alguém que a gente conheça de verdade, alguém que fazia parte da nossa vida, sofrer é sentir falta de alguém que fazia parte da sua rotina, da sua família, dos seus planos. Sofrer não é ficar triste por levar um fora, nem ficar triste por não conquistar alguém.
Acho que eu devo parar de falar sobre sofrimento agora, por mais que seja tão bonito ♥
Eu disse que meu fim de semana seria super corrido, porém ontem conseguimos terminar toda a parte escrita do seminário, apesar de termos ficado até as onze da noite fazendo trabalho, valeu apena. Agora só falta montar os slides, que será no sábado, e falta eu estudar pra prova de segunda, o que eu pretendo fazer hoje e domingo. De acordo com meus dados está tudo sob controle.
Como das outras vezes, preciso sair porque estou escrevendo do meu serviço (o que é errado), mas eu prometo que um dia paro de fazer isso.

quarta-feira, 25 de maio de 2016

 Bom dia, eu ia escrever ontem a noite, mas não consigo fazer mais nada quando eu chego da faculdade, e também 23:30 é muito tarde. Mas enfim, aqui estou escrevendo na quinta de manhã, no meu trabalho (outra vez). Foi gostoso ter voltado pra faculdade segunda, ver os amigos do ônibus, conseguir jantar auhsuhsuahs. Acho que estou me sentido desinteressada em relação a algumas pessoas, não vejo mais aquela graça, e o pior, ele parece ser principalmente uma pessoa com as atitudes imaturas que eu mais odeio. Não que eu o odeie agora, mas é que de tanto ver a parte chata, eu comecei a não querer ver mais parte nenhuma. Isso é bom pra mim, antes eu nunca ficaria em um mesmo ambiente assim, com essa pessoa, e hoje eu não ligo tanto pra esse tipo de coisa. Também estou feliz, pois finalmente estou conseguindo me aproximar um pouco mais de algumas pessoas da minha sala. Ontem por exemplo fiquei num grupinho que eu nunca tinha ficado, e ainda levei minha amiga que diz não ter muito o dom de interagir com pessoas diferentes (ela é um amor ♥), mas foi muito bom, pelo menos no começo. É que depois chegou umas garotas da minha sala que eu não tenho muita afinidade (porque são chatas).
 Se der tudo certo esse fim de semana, se meus pais forem pro sitio, minha Ariana vai dormir la em casa, pra eu não dormir sozinha. E eu tô morrendo de saudade dela. É extremamente ruim quando não conseguimos manter contato com as pessoas que gostamos. Acho que não tem problema eu usar o nome das pessoas que já fazem parte da minha vida a algum tempo. A Thaís é o tipo de amiga que dá vontade de agarrar e não soltar mais. E tomara que o fim de semana seja como planejado. Na verdade ela só vai em casa pra dormir mesmo, porque vou ter que ir fazer trabalho no sábado e domingo o dia todo, e ainda tenho que dar um jeito de estudar para a prova de segunda. Mas ia dar pra gente matar a saudade um pouco. Ás vezes eu pareço lésbica falando das minhas amigas uashushush mas pode acreditar que não. É que eu gosto mesmo de todas elas.
Amanhã é feriado, e eu vou ter que ir começar a montar o seminário e o trabalho, tomara que a gente consiga terminar o mais rápido possível, porque preciso estudar pra prova de segunda. 
Esse find vai passar voando. Agora vou trabalhar, e já ir adiantando um pouquinho dos estudos. Até logo.

segunda-feira, 23 de maio de 2016

Bom Dia! Pulei o domingo né?! Mas é que não deu tempo de aparecer por aqui, então tenho bastante coisa pra contar. Começando por sábado, que eu não queria ir naquela festa, então, eu acabei indo na festa, e não me arrependi hahaha eu estava com certeza precisando de uma festa! Cheguei em casa era quase 5 horas da manhã. Aí minha mãe me acorda as 8:30, e eu quis morrer, minha cabeça estava explodindo (ressaca). Mas é que tínhamos um almoço em família, e depois desse almoço fui fazer trabalho com as meninas da minha sala. Fiquei fora de casa até as 7 da noite, eu tava quase morrendo de tanta preguiça. Foi chegar em casa, tomar banho, e D-E-S-M-A-i-A-R. 
Sobre a festa: Eu só queria que o garotinho que conheci não fosse de outra cidade </3
Sobre o almoço em família: Ás vezes eu sou impaciente pra tanta gente.
Preciso sempre falar mais sobre o presente, pra não ficar presa no passado, e nem em imaginações de um possível futuro. Então falando sobre o presente (e sobre macho uhsahusa), fiquei apaixonada pelo garotinho da festa, e olha que ele é mais novo que eu, e pior, é ariano. sim, eu perguntei o signo dele! Tudo bem que não estávamos muito lúcidos, mas ele é apaixonante. Acho que minhas relações com Áries funciona bem mais na prática que na teoria. Isso me deixou curiosa em relação há algumas pessoas (de Áries). Então, trocamos telefone e tudo, é uma pena, pena mesmo, que ele seja de outra cidade, quero replay hahahaha. Estou ansiosa pra voltar pra faculdade hoje, vai ser bem menos cansativo. Ainda tenho que procurar minha carteirinha do busão, porque se não eu não vou pra faculdade nenhuma. Acho que tô me sentindo menos carente depois da festa, e isso é bom. Também acho que estou ansiosa por causa das provas e trabalhos que estão por vir. Não vejo a hora de passar logo.
Agora vou voltar a trabalhar, quer dizer, procurar serviço, porque isso aqui tá uma paradeira total. 

sábado, 21 de maio de 2016

 Bom Dia. Vou aproveitar que estou trabalhando (sim, eu trabalho no sábado de manhã) pra escrever, por que depois vai ser meio corrido. 
 Ontem foi o ultimo dia de palestra de semana acadêmica, foi uma palestra muito boa e que me deu alguns sintomas de querer partir para a psicopedagogia. Ainda é muito cedo pra saber o que eu vou fazer, mas desde que entrei no curso minha maior vontade é de trabalhar com crianças. Eu amo crianças. Então, e aí no nosso grupo da recepção deu tudo certo, conseguimos fazer tudo o que foi pedido, e não tivemos nenhum tipo de confusão; Ah, eu ganhei um brinde no sorteio, só que: um sapato 39 hasuhasuhashsuahs. E até que enfim acabou, eu já tava ficando com saudade da faculdade, do ônibus, e de jantar.
 Esse fim de semana vai ser meio agitado, tenho que dar um jeito de me encontrar com as meninas pra terminar um trabalho, e começar um seminário, e acabar tudo isso até no fim de semana que vem. Ainda bem que surgiu um feriado semana que vem, e dá pra adiantar o trabalho.
 Hoje o dia amanheceu chovendo, dessas chuvinhas até que gostosas sabe, mas tomara que pare, por que finalmente, depois de varios meses eu pretendo ir em uma festa, to sentindo falta das minhas amigas, e de me divertir. Desejo que essa festa seja MARA, porque preciso relaxar. 
 Agora falando sobre sentir. Eu acho tão ruin não sentir nada, ainda mais por alguém que eu gostaria que fizesse parte de alguns momentos na minha vida. O desinteresse é chato, é horrível, mas não dá pra se interessar por alguém que também não tem interesse. E agora eu fico com pena, porque eu gostaria que essa pessoa deixasse alguma marquinha na minha vida, mas ele não conseguiu, e parou tão cedo. Isso me chateia um pouco, eu gosto de gente que faz confusão em mim, e não que desiste tão fácil. Maaaas, tudo passa, e a gente logo esquece as coisas que não são mais tão importantes.
 Falando em coisas importantes, preciso estudar muuuito, porque na outra semana já começam as provas. 
 Agora vou voltar a trabalhar, antes que eu comece falar sobre signos.

sexta-feira, 20 de maio de 2016

BOM DIA! Graças a Deus hoje é sexta feira. Essa semana acadêmica tá acabando comigo, é muito cansativo, sem contar que já faz uma semana que eu não janto direito. Ainda bem que hoje é o ultimo dia, não vejo a hora de voltar pra faculdade. A semana acadêmica tem suas vantagens também, finalmente eu tô conseguindo interagir com as pessoas dos outros cursos e dos outros anos, porque na faculdade eu ainda não tinha conseguido fazer isso hahaha, agora nas palestras eu tenho que ficar praticamente recebendo as pessoas, e no meu grupo tem alunos da turma de pedagogia, que foi muito bom conhecer. Cada dia dessa semana eu descubro gostar menos ou mais de algumas pessoas, enquanto estamos ali arrumando as coisas, esperando a palestra acabar, ou indo embora no carro, eu vou conhecendo mais de cada um. Tem gente que conta coisas que me fascinam, e tem gente que tem um tipo de opinião que me decepciona, mas isso é bom, porque fica mais fácil de saber quais são as pessoas com quem eu me identifico mais, e fica mais fácil de saber quem são as pessoas que mal sabem o que estão dizendo, que falam sem pensar, da boca pra fora. Não me cativa muito esse tipo de pessoa, que mal tem argumentos pra defender suas criticas. Falando em gente que não me cativa, ontem eu tive uma sensação muito boa de ver alguém, e não sentir nada de diferente, sabe quando você vê uma pessoa que causa um calafrio, ou frio na barriga, ou um desespero no peito, então, isso não aconteceu. E isso é muito bom, porque talvez eu isso signifique que eu estou aprendendo a separar as pessoas, e ver quem realmente importa. Não é desmerecendo, é que eu tô cansada de tentar ficar perto de gente que me trata com indiferença, de gente que não me cativa. É uma pena (pena mesmo) que eu não possa escrever nomes aqui ahsuauhsuas porque eu iria adorar fazer isso. Hoje meu serviço está parado, muito parado, por isso deu pra escrever mais, mas agora vou voltar pro trabalho, porque jajá vou almoçar.

quinta-feira, 19 de maio de 2016

Bom Dia! (eu sempre vou usar a saudação conforme o horário que estiver escrevendo). Minha intenção é escrever aqui todos os dias, mas vou demorar um pouco pra me acostumar, e também essa semana está suuuper corrido por causa da Semana Acadêmica da faculdade: 
Estou participando da comissão organizadora, então eu sofro um pouquinho mais do que quem vai só pra assistir. Não vejo a hora de começar escrever todos os dias, tenho tanta coisa pra contar sobre o que anda acontecendo, sobre a minha família, meus amigos, meu trabalho e principalmente sobre a faculdade, grande parte da minha vida gira em torno da faculdade agora. Mas vou escrever sobre isso depois, pois agora preciso trabalhar. Até logo.

quarta-feira, 18 de maio de 2016

Meu querido diário

Boa Tarde! Essa primeira postagem é só pra esclarecer qual é o meu objetivo por aqui. Bem, o meu objetivo por aqui é fazer desse blog o meu diário.
Eu tinha uma conta antiga no Blogger há alguns anos atrás, mas decidi excluir porque era um blog com postagens de quando eu tinha 15 anos, e eu não gostaria de ficar relendo tais textos. 
Semana passada na faculdade, a professora estava dando uma aula sobre "Inteligências Múltiplas", e eu me identifiquei bastante com alguns pontos da Inteligência Linguística, mesmo assim, por estarmos cursando Psicologia, ela disse que precisamos desenvolver essa inteligência, pois é especialmente necessária. Dentre as atividades que contribuem no desenvolvimento da Inteligência Linguística, está o Escrever. Minha professora deu como sugestão escrever em um diário, então foi quando eu lembrei da minha conta no Blogger, e cá estou eu, fazendo meu Blog de diário.