quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Esse texto foi escrito no dia 28 de Novembro, no bloco de notas do meu celular. Estou postando hoje porque demorei muito pra entrar aqui, e vou postar de qualquer jeito, porque ele descreve algo bem importante que tem acontecido comigo.

"Hoje eu só entrei pra contar algo bom que tem acontecido comigo, ou melhor, pra contar de alguém que tem feito algo bom acontecer.
Alguns momentos nos pegam de surpresa, e eu fui surpreendida a alguns dias.
Eu não esperava uma situação tão linda como a que me foi proporcionada.
Eu lembro de cada traço, de cada abraço e cada toque. 
E de como eu não queria que as horas passassem. 
Quanto mais o sol ia se escondendo, maior era minha vontade de continuar ali, deitada sobre aquele colo dengoso, com um afeto tão gostoso de onde eu não queria nunca sair. 
E eu, que gosto tanto de uma boa conversa, mal conseguia organizar as palavras dentro da minha cabeça. E meu silencio me dominou, enquanto eu só conseguia sentir, sem falar nada. 
Era como se transpassasse um mar de sentimentos de um peito pro outro.
O que eu sentia era indescritível, eu não acreditava na perfeição daquele momento, e ao mesmo tempo eu queria acreditar naquilo mais do que em qualquer outra coisa.
As horas passaram, e apesar de demorar muito, uma despedida foi necessária, e outra vez eu não queria sair daquele abraço.
(...)
E agora me faz rir com uma facilidade, parece que dominou a arte de me conquistar. 
É ótimo estar na companhia de alguém que não roube minhas energias positivas, e sim que faça uma troca direta e incrível de energias. 
Não vou falar sobre o que eu quero que aconteça, pois eu só quero mesmo é que varias coisas continuem acontecendo. 
Vou tentar não sentir medo, e sentir todo o resto."

Nenhum comentário:

Postar um comentário