sábado, 18 de fevereiro de 2017

Quanto tempo! Achei que nunca mais teria tempo para escrever outra vez hahaha 
Minha vida tem sido mais corrida e cansativa que nunca. Eu viajo quatro vezes por dia, só volto pra casa para tomar banho, jantar e dormir, mas mesmo assim ela tem sido cada vez mais incrível. Tenho alguns planos de ir morar fora, e, estou torcendo muito para que eles deem certo. 
A faculdade começou a uma semana, e eu já tenho horrores de textos para ler, estudar e fazer resumos. E agora os meus finais de semana estão reservados somente pra isso. Vou sentir falta de sair bastante como saia normalmente, mas sei que meu esforço me trará prazeres bem maiores. 
Falando em prazer, preciso rever alguns conceitos da minha vida como por exemplo, transar casualmente. Sim, é ótimo! Eu tenho o que quero, e depois não vai ter alguém ocupando minha mente o tempo todo, e nem me pedindo satisfações, ou brigando por motivos toscos. Porém, mesmo que seja casual, acho que não consigo continuar fazendo isso sem ter no minimo um vinculo afetivo com a pessoa. Eu sempre fui de me importar, de conversar, de querer estar por perto. Não quero mais ter relações e depois de uma semana não trocar se quer uma palavra com a pessoa. Eu sei que tem o lado bom, e o lado ruim de tudo isso, mas eu sempre fui alguém que transborda sentimentos, e que sempre sente muito, e o que eu tenho feito não tem correspondido a quem eu realmente sou. Como diz o Marcello Gugu em uma música que eu gosto muito, "A noite ensinou que companhias não são companheiros", e mesmo que eu não procure um relacionamento sério agora, eu prefiro ter companheiros ao invés de somente companhias. Acredito que essa ideia pode afastar algumas pessoas, que por sinal eu queria que se aproximassem, mas é preciso perder algumas coisas quando temos que seguir nossos ideias. 
Semana passada rolou o Encontro das Tribos, e eu nunca me arrependo de ir. É uma vibe maravilhosa, principalmente pelas atrações, o publico, o local, tudo. O reggae me transmite sempre o melhor, e quando vou pra um lugar assim parece que transborda paz e amor de todos os lados. Só tenho a agradecer por esse dia maravilhoso. 
Também só tenho a agradecer por todos os outros dias da minha vida, inclusive os mais difíceis. Agradeço muito por ter a família que tenho, e por ter os amigos que tenho. Parece que Deus escolheu as melhores pessoas para estarem perto de mim. 
Peço a Deus que tudo continue dando certo, e que Ele me de uma forcinha nesses novos planos. Peço também pra proteger as pessoas ao meu redor.
Eu me sinto melhor escrevendo, e agora com essa falta de tempo, é como se eu tivesse uma forma de conversar sobre tudo enquanto estou no ônibus, ou em qualquer outro lugar. 
Vou tentar escrever mais, mesmo nessa correria.